Solidariedade se prepara para sua segunda eleição sem depender de alianças com a política tradicional

Solidariedade se prepara para sua segunda eleição sem depender de alianças com a política tradicional

O Partido Solidariedade do Rio Grande do Norte montou uma lista própria de pré-candidatos em todas as esferas de disputa para a eleição de 2018.

Tem nome próprio ao Governo, ao Senado, e listas com gente altamente qualificada para deputados estaduais e federais, incluindo o presidente do Partido, Kelps Lima, que é o campeão em repercussão nas redes sociais e o único que faz críticas abertas contra os maiores representantes da política antiga do Estado, Garibaldi e José Agripino.

Esta será a segunda eleição na qual o partido não fará alianças onde precise ficar subjugado a Governos, Prefeituras ou oligarquias que insistem em manter o Estado sofrendo para que elas permaneçam no Poder. Em 2016, o Solidariedade disputou a prefeitura de Natal sem se aliar a nenhum grupo majoritário tradicional e mesmo assim ficou em segundo lugar, superando o PSDB e o PT.



Não há banner cadastrado