Pedra Preta: Com medo de tremores, família dorme em carroceria de caminhão
07, novembro 2013

Pedra Preta: Com medo de tremores, família dorme em carroceria de caminhão

Família do Ex-Prefeito Cícero Avelino, de 60 anos, está dormindo em um caminhão com medo dos tremores (Foto: Fernanda Zauli/G1)
Para eles a carroceria do caminhão aparenta ser mais seguro (Foto: Fernanda Zauli/G1)
Cícero Avelino, de 60 anos, a mulher, Maria Cavalcanti, de 56, um filho, a nora e três netos dormem na carroceria de um caminhão há oito dias. Moradores de Pedra Preta, município localizado a 149 km de Natal, eles deixaram de passar a noite dentro de casa por medo dos sucessivos tremores de terra que vêm ocorrendo na cidade. “A gente tem medo da casa desabar e o telhado cair em cima da gente. É uma sensação muito ruim, um medo muito grande. Só sabe quem já sentiu”, conta o agricultor.

A casa da família fica no sítio Toco Preto, na zona rural do município. Para abrigar a família durante a noite, o agricultor improvisou uma cobertura para a carroceria com uma lona. Os sete integrantes da família se dividem em quatro colchões que permanecem no caminhão.

“Toda noite é a mesma coisa: a gente fica dentro de casa até o fim da novela e depois vamos para o caminhão dormir”, diz Maria Cavalcanti, a matriarca da família. “É melhor dormir aqui do que correr o risco da casa desabar na nossa cabeça”, relata o neto de Seu Cícero, Siderlei Bandeira Bezerra, de 12 anos.
Durante o dia a família tenta levar a vida normalmente. As crianças vão para a escola, Cícero segue para a cidade onde presta serviço de frete para a prefeitura e dona Maria cuida da casa. Ela é quem tem mais medo dos tremores. “Eu passo o dia inteiro com a porta aberta porque se precisar correr fica mais fácil. Por mim eu já tinha ido embora daqui. A gente não sabe que horas pode ter um tremor mais forte e Deus nos livre acontecer uma desgraça”, diz.
O quarto do casal, confortável e espaçoso, deve ficar vazio por um bom tempo. “A gente só vai voltar a dormir lá quando alguém disser que não vai ter mais tremor”, diz Cícero.

G1/RN

06, novembro 2013

Pedra Preta: Henrique vai pedir ajuda à Defesa Civil Nacional para cidade

Prefeitos Luiz (Pedra Preta) e Benes (Lajes) com o Dep. Federal Henrique
Dep. Estadual Tomba, Prefeitos Luiz e Benes com Henrique Alves
Luiz, Tomba, Beto Roque, Benes, Henrique, Sérgio Cadó
O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, recebeu em seu gabinete, nesta quarta-feira (6), em Brasília, o prefeito Luiz Antônio, de Pedra Preta. Eles conversaram sobre os abalos sísmicos que atingem o município do Sertão Central Potiguar e se intensificaram nos últimos dias. O prefeito apresentou um relatório prévio sobre os danos materiais causados em prédios públicos e residências, tanto da cidade como da zona rural. O ginásio de esportes, um dos mais danificados, está interditado e as aulas continuam suspensas. Henrique Alves reconhece que, em Pedra Preta, além das dificuldades normais comuns a maioria das prefeituras, o prefeito Luiz Antônio e a população local passaram a conviver nos últimos dias com o medo e a incerteza em função de centenas de abalos sísmicos. Com base no relato preliminar apresentado pelo prefeito, o presidente da Câmara pediu um documento técnico, mais completo e detalhado, para solicitar ajuda ao Ministério da Integração Nacional. “A Defesa Civil Nacional poderá nos ajudar com recursos para reconstrução de casas, por exemplo, e auxílio emergencial que reforcem o apoio local e do governo do estado”, disse. 

O Presidente da Câmara Federal ainda se desculpou com o Prefeito por ter adiado a visita que estava programada para o último domingo (03), ao município. Henrique deixou claro que não irá faltar oportunidades de visitar a cidade e atender um convite do Prefeito Luiz.

06, novembro 2013

Abalos Sísmicos: Sesap atende pedido da Prefeitura de Pedra Preta e confirma envio de psicólogos

Em conseqüência dos abalos sísmicos ocorridos nas últimas duas semanas no município de Pedra Preta, a 115km de Natal, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) enviará, na manhã desta segunda-feira (11), psicólogos à cidade, com o objetivo de tranquilizar a população. A ação ocorrerá de forma integrada com o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de João Câmara – unidade de referência para atendimento dos moradores de Pedra Preta.
Além de psicólogos, prestarão apoio à população enfermeiros, acupunturistas e educadores físicos do CAPS realizando trabalhos de relaxamento, acupuntura, rodas de conversa e exames físicos, como aferição da pressão arterial. Haverá também uma palestra sobre as medidas a serem tomadas para se tentar lidar com as dificuldades diante dos abalos sísmicos.
De acordo com a Subcoordenadora de Vigilância Ambiental da Sesap, Iraci Nestor, “buscamos contribuir para que as pessoas possam conviver da melhor forma possível com a situação enfrentada em decorrência do desastre”. Ela explica que será feito um diagnóstico dos problemas e necessidades específicos aos moradores de Pedra Preta, para desenvolver um trabalho adequado à realidade vivenciada.
Além disso, será providenciado um treinamento por parte da Defesa Civil Estadual junto à recém-criada Defesa Civil de Pedra Preta. O foco será na preparação dos profissionais para oferecer atendimento em casos de pânico ou desastres. Equipes da Defesa Civil Estadual, Corpo de Bombeiros Militar, Samu 192/RN e do Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte já estiveram no local, orientando a população. A recomendação é que, em caso de novo incidente, os moradores saiam do interior das residências até que a situação se normalize.

06, novembro 2013

Pedra Preta: Major Cavalcanti Júnior e Capitão Davi visitam Junta Militar 096

Major Cavalcanti Jr e o Capitão Davi
Nesta terça (05), o Secretário Municipal da Junta Militar Fagner Damasceno e o Sargento da Polícia Militar Paulo César Pontes receberam na 096 Junta Militar em Pedra Preta o Major Cavalcanti Júnior e o Capitão Davi, além deles também vieram a cidade o Tenente Berretta, Sargento Nilson e a esposa do Capitão Davi, a Sra. Euclécia (Aniversariante do dia). A equipe do Exército veio até o município fazer a vistoria de praxe na Junta já que está chegando o final do ano. 
Sargento Pontes, Tenente Berreta, Major Cavalcanti, Capitão Davi, Secretário Fagner.
O Major Cavalcanti salientou a importância dos Serviços Militares e aconselhou o Secretário Fagner continuar com o empenho que teve ao longo desses 10 meses, sempre buscando melhorias na parte que lhe é de sua competência. Também estiveram presentes a vereadora Rosângela Teixeira, Secretária de Agricultura Aline Tatiane e o Secretário de Gabinete Neto Oliveira que representou o Prefeito Luiz de Haroldo que encontra-se em Brasília, também participaram da reunião várias conselheiras tutelares e funcionários da Prefeitura.

O Secretário Fagner ainda ofereceu um almoço de agradecimento a Equipe do Exército na Fazenda São Bento. 

06, novembro 2013

Prefeitos de Jandaira, Pedra Preta, Pedro Avelino e Lajes discutem crise dos municípios em Brasília

Temas que serão tratados na Comissão Geral “SOS Municípios” na manhã do próximo dia 12, no Plenário da Câmara dos Deputados, foram pauta de reunião nesta terça-feira (5) entre o segundo vice-presidente da Câmara, Fábio Faria (PSD/RN), o presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn), Benes Leocádio, e o deputado estadual Tomba Farias. Também participaram do encontro os prefeitos de Pedro Avelino, Sérgio Cadó; de Jandaíra, José Roberto de Souza; de Currais Novos, Vilton Cunha; e de Pedra Preta, Luiz Bandeira de Souza.

Fábio Faria lembra que a Comissão Geral que propôs foi aprovada pelo presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, que também tem demonstrado grande preocupação com o assunto. Entre os assuntos que devem entrar em pauta estão projetos de interesse municipalista que tramitam no Congresso Nacional, em especial o aumento de 2% no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), previsto na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 39/2013.

05, novembro 2013

Pedra Preta: Vilma e Márcia Maia visitam cidade

Vice prefeito Guilherme recepcionou a Ex-governadora e atual vice prefeita de Natal Vilma de Fária e sua filha Dep. Estadual Márcia Maia

FOTOS: SAMARA DAMASCENO

Nesta terça (05), a cidade de Pedra Preta recebeu as visitas ilustres da ex-governadora do RN e atual vice prefeita de Natal Vilma de Faria e da Dep. Estadual Márcia Maia. As guerreiras como são conhecidas por todo Rio Grande do Norte, foram recepcionadas pelo vice prefeito do município Guilherme e sua esposa, vereadora Cathirenny. Vilma e Márcia vieram a cidade para trazer sua mensagem de solidariedade pelo momento tenso que a população está passando com esses abalos sísmicos que vem se intensificando no município, na ausência do prefeito Luiz de Haroldo que viajou para Brasília, Vilma deixou claro seu total apoio ao município juntamente com a Dep. Estadual Márcia.
Chegada de Vilma a casa do vice prefeito Guilherme
Também estiveram presentes as vereadoras Rosângela Teixeira e Nena Pinto, o ex prefeito Cícero Avelino e os secretários municipais Luquinha Leocádio (Administração), Mercia Fernanda (Assistência Social), Neto Oliveira (Gabinete), Aline Tatiane (Agricultura) e vários correligionários. Após o lanche, o vice prefeito falou aos presentes, “É muito importante ter a visita de vocês aqui trazendo suas mensagens de solidariedade a todos da nossa cidade pelo momento tenso que estamos passando, temos certeza que podemos contar com o apoio de vocês” disse Guilherme. A Dep. Estadual Márcia Maia agradeceu a presença de todos que ali estavam e disse que está disposta a ajudar Pedra Preta seja qual for a situação. Finalizando a visita, a ex -governadora Vilma de Faria agradeceu ao vice prefeito e aos demais presentes pela recepção e disse que está solidária e atenta à situação que o município vem sofrendo, e que é preciso buscar ajuda seja do Governo Federal e Estadual. Vilma também declarou que vem passando por várias pressões por onde anda em todo o RN, “Por onde passamos o povo pede nossa candidatura ao Governo, fizemos vários trabalhos na nossa gestão em beneficio não só dessa região e sim de todo o RN” declarou a ex-governadora. Vilma também concedeu entrevistas á programas de rádio das cidades de João Câmara e Jardim de Angicos.
Veja mais imagens:

Vereadora Nena, Vilma, Ver. Rosa, Ver. Cathirenny, Dep. Márcia Maia, Fernanda (Sec. de Assistência Social)

Betinho (Sec. Adj. de Educação), Vilma, vice prefeito Guilherme, Dep. Márcia.

Thiago, Márcia, Vilma, Samara, Neto. (Blog PP em Ação)

Ex-governadora Vilma e o vice prefeito Guilherme

Vilma concedendo entrevistas

Márcia concedendo entrevistas

Vice prefeito agradecendo a visita

Dep. Estadual Márcia Maia deixando sua mensagem

Vilma de Faria falando aos presentes

Muitas pessoas prestigiaram a visita de Vilma de Faria e Márcia Maia

Ex prefeito Cícero Avelino em conversa com Márcia e Vilma

Neto sendo entrevistado na TV Agendão

05, novembro 2013

Sismólogos contabilizam 433 tremores de terra em apenas duas semanas em Pedra Preta

O Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte(LabSis/UFRN) já registrou 433 abalos incidentes no município de Pedra Preta em pouco menos de duas semanas, quando os tremores de terra foram reativados. Apesar da maioria dos eventos acontecerem com magnitude menor que 2 graus, os poucos acontecimentos acima de 3 graus já causaram transtornos suficientes à população, a qual passou a dormir fora de casa com medo de possíveis tragédias.
O município, localizado a 149 km de Natal, vem sendo ponto de tremores diários desde o fim de outubro. No último fim de semana, os abalos continuaram, mas em menor intensidade. De acordo com a coordenação do laboratório de Sismologia da UFRN, no dia 2 de novembro foi presenciado três eventos, sendo um com magnitude 1.3 e dois com magnitude 1.5. Devido à baixa intensidade, não foram registrados problemas mais sérios em Pedra Preta.
De acordo com os sismólogos da UFRN, não há como prever se os tremores vão continuar, mas a expectativa é que ocorra a diminuição na quantidade e intensidade de abalos. Os abalos na região do Nordeste ocorrem nos chamados “enxames”, que têm duração variada.
Apesar de a cidade apresentar um histórico de tremores, os pesquisadores não sabem o que pode ter causado o aumento na atividade sísmica na região de Pedra Preta. Segundo eles, há a hipótese de uma falha na estrutura geológica da região do Cabeço Preto, onde está Pedra Preta, mas não há como garantir que essa seja a causa dosabalos.
JH

05, novembro 2013

Tangará: Prefeito recebe Rafael Motta, Vivaldo Costa e Ricardo Motta

Foto:  Prefeito Alcimar Germano, Vivaldo, Ricardo Motta, Gija, Rafael MottaWanira Brasil
O Presidente da Assembleia Legislativa do RN, Ricardo Motta, esteve em Tangará neste domingo (03) acompanhado do seu filho, o vereador Rafael Motta, e do deputado estadual Vivaldo Costa. A visita marcou a filiação simbólica do Prefeito Alcimar Germano.
Acompanharam o prefeito para a nova agremiação os vereadores Maria José, Presidente da Câmara, Ricardo VicenteWilson Fonseca e Nilson Lima.
O evento contou com a presença de importantes autoridades, além dos deputados já citados, a vereadora Eudiane Macedo, de Natal, também prestigiou o evento. A ex-prefeita de Sítio Novo, Wanira Brasil, o ex-prefeito de Tangará, Gija, o ex-prefeito de São Bento do Trairi, Tito Henrique, o ex-vice-prefeito de Tangará, Erociano Feliciano, o ex-vereador e secretário em Tangará, Ewerton Thiago, os vereadores de São José do Campestre, Dedé MendonçaTico Andrade e Jailson.

Daltro Emerenciano

04, novembro 2013

Prefeito Luiz de Haroldo participa de Programa de Rádio em Fernando Pedroza

Prefeito Luiz
Luiz de Haroldo prefeito de Pedra Preta, participou neste domingo (03) do Programa da Prefeitura Municipal de Fernando Pedroza na Rádio Cidade 104.9 FM. Além de Luiz, também participaram do Programa os prefeitos Benes Leocádio (Lajes) e Júnior Batista (Angicos), o programa é apresentado pelo prefeito Daniel Pereira (Fernando Pedroza). Luiz falou sobre a crise financeira que os municípios do RN estão passando, em especial Pedra Preta, o chefe do executivo pedrapretense também falou dos Abalos Sísmicos que vem amedrontando os moradores do seu município. Em conversa bastante descontraída, os prefeitos da Região Central debateram vários outros assuntos de interesse dos seus municípios.


04, novembro 2013

Pedra Preta: Intensidade de tremores diminui no fim de semana

O município de Pedra Preta vem sendo ponto de tremores diários desde o fim de outubro. No fim de semana passado, os abalos continuaram, mas em menor intensidade. De acordo com a coordenação do laboratório de Sismologia da UFRN, não há como prever se os tremores vão continuar, mas a expectativa é que ocorra a diminuição na quantidade e intensidade de abalos.

Entre sábado e domingo, Pedra Preta teve nove abalos registrados pela estação de Paraú. Segundo o coordenador do laboratório de Sismologia da UFRN, Aderson Farias, nenhum teve magnitude superior a 2,5 e, por isso, não foram registrados problemas sérios no município.

Aderson do Nascimento Farias
“Fomos à cidade em duas oportunidades na semana passada. Na segunda vez, que foi na sexta-feira (1º), os sismólogos conversaram com as autoridades e passaram à população as informações necessárias, os esclarecimentos”, explicou Aderson Farias.

De acordo com o sismólogo, os abalos na região do Nordeste ocorrem nos chamados “enxames”, que têm duração variadas. Com a diminuição da intensidade registrada, a expectativa é que também diminuam os tremores. “Mas não há como confirmar diminuição. É a expectativa, mas não há como prever a atividade sísmica”, disse.

Tribuna do Norte